6ª edição do Caderno da JusDh estará disponível em seminário

Com o título “Entre retrocesso de direitos e reformas conservadoras na Justiça'”, caderno será material de discussão do Seminário “A democratização do sistema de justiça e as reformas estruturais que precisamos”.

gsgsghwsr

Em meio a um contexto de profundos retrocessos de direitos, a sexta edição do Caderno Justiça, Direitos Humanos e Participação Social traz para o debate o papel do Judiciário em meio a esse cenário.

O material – produzido pela Articulação Justiça e Direitos Humanos (JusDh) – servirá de subsídio para as discussão que devem ocorrer no Seminário ‘A democratização do sistema de justiça e as reformas estruturais que precisamos’. A versão impressa do caderno estará disponível no evento, que acontece entre os dias 22 e 23, em Brasília.

Nessa edição, são apresentados textos de representantes da Conectas Direitos Humanos, Geledés e Instituo da Mulher Negra, Centro Gaspar Garcia de Direitos Humanos, Terra de Direitos, Ação Educativa, Observatório da Justiça Brasileira/UFMG, Inesc e Plataforma dos Movimentos Sociais da Reforma do Sistema Político, e Advogadas e Advogados Públicos para a Democracia.

A edição online deverá ser disponibilizada em breve.

 

Sobre o Seminário

O Seminário ‘A democratização do sistema de justiça e as reformas estruturais que precisamos’ estará sendo realizado nos próximos dias 22 e 23, na Universidade de Brasília.

Movimentos sociais, organizações de direitos humanos, pesquisadores, operadores do direito de diversos segmentos (magistratura, ministério público, defensoria pública, universidades e advocacia), jornalistas e representantes de legislativo e executivo participarão da atividade, para debater formas de garantir participação popular e outros mecanismos de democratização do sistema de justiça.

A atividade está sendo realizada pela JusDh e pela Plataforma de Movimentos Sociais da Reforma do Sistema Político

Durante o evento, no dia 23, também será lançado o livro Justiça e Direitos Humanos: perspectivas para a democratização da justiça. A obra, produzida pela organização Terra de Direitos e pela Articulação Justiça e Direitos Humanos, conta com nove textos escrito por pessoas de diferentes organizações.

 

Saiba mais sobre o livro

Veja a programação completa do Seminário

Faça sua inscrição

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*